MARIA DÂMASO
Nasceu em Portalegre a 27 de Abril de 1963

FORMAÇÃO
Licenciatura em Artes Plásticas - Pintura, Faculdade de Belas Artes de Lisboa
Professora efectiva de artes no ensino oficial.
 
EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS
1993 Portalegre, Galeria Municipal de Arte
1997 Cruz de Pau, Amora. Escola Básica 2,3 da Cruz de Pau
Verdizela, Seixal. Galeria Arte Sã
1998 Lisboa, Casa do Pessoal do I.V.A., 23 a 27 Nov
1999 Cruz de Pau, Amora. Escola Básica 2,3 da Cruz de Pau, de 1 a 8 de Março
Marvão, Posto de Turismo, Agosto
Castelo de Vide, Centro da Cultura, Outubro
Verdizela, Seixal, Galeria Arte Sã, Outubro
Portalegre, "A Luz para além das formas", Galeria Municipal, Palácio Povoas, Nov.
2000 Seixal, "A Luz para além das formas", Galeria Augusto Cabrita, Fórum Cultural do Seixal, Câmara Municipal do Seixal
2001 Lisboa, Espaço Cultural da Carris, "Este meu pedaço de mundo", 14 Fevereiro
Santarém, Posto de Turismo, "Pintura", 6 Junho
Verdizela, Seixal, Galeria Arte Sã, 13 a 31 de Outubro
2002 Açores, Graciosa, Museu Municipal da Graciosa
Açores, Santa Maria, Museu Municipal de Santa Maria
Verdizela, Seixal, Desenhos e Pinturas, Galeria Arte Sã
2003 Açores, Flores, "Mar e Pedras",Museu Municipal das Flores
2005 Almada, "A pele da Terra", Sede da Imargem, 30 de Set. a 22 de Outubro
2007 Verdizela, Seixal, Ramificações, Galeria Arte Sã, 20 Abril a 6 Maio

Expõe colectivamente desde 1983 em diversos locais do País, mas principalmente em Lisboa, Almada, Barreiro, Santarém, Marinha Grande, Seixal, Sesimbra, Portalegre.

Pertence à Associação de Artistas Plásticos de Almada, IMARGEM, com quem tem exposto regularmente desde 1991.

Está referenciada no Anuário de Artes Plásticas, Edições Estar, 1998. Representada em várias colecções particulares e nas Câmaras Municipais de: Portalegre, Seixal, Santa Maria (Açores), Flores (Açores). Recebeu uma Menção Honrosa no 2° Festival Nacional de Diaporamas de Portalegre, 1985, com o Diaporama "Flor da Rosa", realizado em conjunto com Raul Ladeira. Realizou a ilustração de um livro de poesia, Veredas da Memória, de António Santos Carreiro.